TPQB - Pós-Graduação em Tecnologia de Processos Químicos e Bioquímicos TPQB - Pós-Graduação em Tecnologia de Processos Químicos e Bioquímicos da EQ/UFRJ TPQB - Programa de Pós-Graduação em Tecnologia de Processos Químicos e Bioquímicos da EQ/UFRJ
Intranet
Por favor, digite ou corrija o CPF!
Por favor, digite sua Senha!
Lembrar Senha
Por favor, digite ou corrija o E-Mail!
This is an example of a HTML caption with a link.

Prêmios

TPQB recebe Menção Honrosa no IX SHEB

Em Novembro de 2009, o trabalho Otimização da Hidrólise Enzimática do Amido de Grãos de Sorgo (Sorghum bicolor L. Moench) e avaliação da fermentabilidade do Hidrolisado Enzimático dos autores:

Recebeu Menção Honrosa no IX SHEB - Simpósio de Hidrólise Enzimática de Biomassas que foi promovido pelo Departamento de Engenharia Química da Universidade Estadual de Maringá, no período de 23 a 27 de novembro de 2009, na cidade de Maringá, no estado do Paraná, Brasil.

Todos os autores fazem parte do TPQB - Programa em Tecnologia de Processos Químicos e Bioquímicos da UFRJ.

Resumo

O sorgo (Sorghum bicolor L. Moench) é um importante cereal originário da África e situa-se em quinto lugar entre os cereais mais plantados no mundo. É cultivado na entresafra da soja e algodão em algumas áreas do Brasil e mostrou grande potencial na produção de etanol, além de apresentar ampla adaptabilidade, ciclo vegetativo curto, tolerância à seca, alagamento, salinidade, toxicidade e acidez do solo. Sendo assim, o principal objetivo do presente trabalho foi estudar a produção de etanol a partir de grãos de sorgo, empregando uma linhagem industrial de Saccharomyces cerevisiae.

Inicialmente, otimizou-se a hidrólise enzimática do amido dos grãos de sorgo empregando a-amilase e glucoamilase comerciais, considerando diâmetro de partícula, relação sólido:líquido e carga enzimática como variáveis. O hidrolisado obtido nas condições ótimas foi fermentado em reator Biostat B operado no modo batelada, e o perfil cinético da produção de etanol e consumo de substrato foi construído durante 16 horas.

As condições ótimas da hidrólise enzimática foram:

A concentração máxima de etanol foi 86,7 g.L-1, correspondendo a 20,8g de etanol/100 g de grãos de sorgo em 16 horas de fermentação.

Links Recomendados