EPQB EPQB - Pós-Graduação em Engenharia de Processos Químicos e Bioquímicos EPQB - Pós-Graduação em Engenharia de Processos Químicos e Bioquímicos da EQ/UFRJ EPQB - Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Processos Químicos e Bioquímicos da EQ/UFRJ
English Busca 
Intranet
Por favor, digite ou corrija o CPF!
Por favor, digite sua Senha!
Atenção: Os candidatos selecionados no Processo Seletivo MP 2019/1 devem usar os mesmos CPF e Senha da inscrição no Processo Seletivo. Caso tenha esquecido, peça "Lembrar Senha" na tarja azul clara no topo desta tela. Só precisa preencher a opção Registro de Matrícula, subopções Dados Pessoais, Contato e Documentação
Lembrar Senha
Por favor, digite ou corrija o E-Mail!
Formulário de Busca
×

Páginas dos Livros nos Sites das Editoras

Ver Legenda   Página Existente
  Página não encontrada

  1. A Aprendizagem Tecnológica no Brasil
  2. Análise Térmica de Materiais
  3. Aproveitamento Energético e Caracterização de Resíduos de Biomassa
  4. Biocatálise e Biotransformação
  5. Biocombustíveis no Brasil
  6. Biomassa para Química Verde
  7. Chemistry Beyond Chlorine
  8. Compositional Grading in Oil and Gas Reservoirs
  9. Controle e Monitoramento de Poluentes Atmosféricos
  10. Dinâmica, Controle e Instrumentação de Processos
  11. Economia da Energia
  12. Engenharia de Processos
  13. Gestão em Biotecnologia
  14. Glycerol - A Versatile Renewable Feedstock for the Chemical Industry
  15. Handbook of Fruit and Vegetable Flavors
  16. Inovação - O Combustível do Futuro
  17. Mapeamento Tecnológico de Polímeros Furânicos
  18. Modelagem Composicional de Frações de Petróleo - Vol. 1: Hidrocraqueamento de Frações Pesadas
  19. Modelagem Composicional de Frações de Petróleo - Vol. 2: Hidrotratamento de Destilados
  20. Modelagem e Controle na Produção de Petróleo
  21. Monoethylene Glycol as Hydrate Inhibitor in Offshore Natural Gas Processing
  22. Offshore Processing of CO2 Rich Natural Gas with Supersonic Separator
  23. Olefinas Leves - Tecnologia, Mercado e Aspectos Econômicos
  24. Oportunidades em Medicamentos Genéricos
  25. Panorama e Perspectivas da Estocagem Geológica de Gás Natural
  26. Patenteamento & Prospecção Tecnológica no Setor Farmacêutico
  27. Planejamento de Experimentos usando o Statistica
  28. Potencialidades do Cajueiro
  29. Processos Inorgânicos
  30. Reologia e Reometria - Fundamentos Teóricos e Práticos
  31. Reúso de Água em Processos Químicos
  32. Setores da Indústria Química Orgânica
  33. Technology Roadmap
  34. Tecnologia do Hidrogênio
  35. Tecnologia Enzimática
  36. Tecnologias de Produção de Biodiesel
  37. Technological Trends in the Pharmaceutical Industry
  38. Tendências Tecnológicas no Setor Farmacêutico
×

Dissertações de Mestrado Defendidas: 2012

Utilização do Simulador Superpro Designer® para avaliação do aproveitamento de Soro de Queijo para a Produção de Etanol.

Autora: Michelle Ramos Cavalcante Fortunato.
Orientadoras: Maria Antonieta Peixoto Gimenes Couto, Karen Signori Pereira.

Resumo

O interesse mundial pelos biocombustíveis tem aumentado em virtude da preocupação com o desenvolvimento de fontes energéticas renováveis e mais limpas, visando atender as novas demandas de desenvolvimento sustentável.

Este trabalho objetivou avaliar, em um estudo preliminar, o potencial de aproveitamento do soro, que é um resíduo da cadeia produtiva do queijo, para produção de etanol. Foram propostos quatro processos de produção no contexto de biorrefinaria que, além de etanol, podem ser obtidos proteínas oriundas do mesmo soro, com aplicação na indústria alimentícia e farmacêutica. Desta forma, agrega-se valor ao soro que é um resíduo altamente poluente.

O soro proveniente da produção de queijo se constitui num subproduto de alto teor energético e, portanto poluidor, que apresenta uma concentração de lactose em torno de 5%. O Brasil é o quinto maior produtor mundial de leite, com uma produção de 32 milhões de toneladas em 2010. A produção brasileira de leite tem aumentado com o decorrer dos anos e aproximadamente 34% da produção é destinada a fabricação de queijos, onde as maiores produções são do tipo mussarela, prato e minas frescal. Aproximadamente 90% do volume do leite destinado à fabricação de queijos se transformam em soro. No Brasil, ao contrário de outros países, o soro de queijo ainda apresenta pouca aplicação no ramo de alimentos, sendo muito utilizado para ração animal.

Quanto a avaliação de produção de etanol a partir do excedente de soro foi utilizado o simulador de processos SuperPro Designer®, com o qual foi possível desenvolver 4 (quatro) processos de produção. Esta ferramenta foi importante na previsão da viabilidade técnica e econômica dos processos propostos.

Os micro-organismos escolhidos para a obtenção do produto foram Kluyveromyces marxianus e Saccharomyces cerevisiae que, de acordo com informações da literatura, são indicados como promissores para a produção do álcool a partir da lactose e glicose, respectivamente. Além disso, os resultados indicam que o processo 3, ou seja, o conduzido em contínuo e utilizando a K.marxianus, é o mais vantajoso para o investidor e que possui a maior produção anual de combustível.