TPQB - Pós-Graduação em Tecnologia de Processos Químicos e Bioquímicos TPQB - Pós-Graduação em Tecnologia de Processos Químicos e Bioquímicos da EQ/UFRJ TPQB - Programa de Pós-Graduação em Tecnologia de Processos Químicos e Bioquímicos da EQ/UFRJ
Intranet
Por favor, digite ou corrija o CPF!
Por favor, digite sua Senha!
Atenção: Os novos alunos de Mestrado Acadêmico já podem completar seus dados. Pedimos aos outros que aguardem mais um pouco. (07/12/2016 15:50)
Lembrar Senha
Por favor, digite ou corrija o E-Mail!

Dissertações de Mestrado Defendidas: 2009

Avaliação da Qualidade da Água do Rio Uberabinha - Uberlândia-MG

Autor: Elano Mário Gonçalves
Orientadoras: Lídia Yokoyama e Maria Lyda Bolaños Rojas.

Resumo

Nesta pesquisa analisou-se a qualidade da água do Rio Uberabinha no Município de Uberlândia-MG. Este estudo utilizou os dados de monitoramento do Rio Uberabinha, realizado pelo Departamento Municipal de Água e Esgoto (DMAE) nos anos 2007 e 2008. As análises destes dados foram realizadas em função da necessidade de se classificar o Rio Uberabinha de acordo com a Resolução CONAMA n° 357 de 17 de março de 2005.

Foram calculados o Índice de Qualidade das Águas (IQA) e o Índice de Toxicidade (IT) de acordo com metodologia utilizada pelo Instituto Mineiro de Gestão das Águas (IGAM). O teste de Tukey através do Software SISVAR, foi utilizado como ferramenta estatística. Analisaram-se 14 parâmetros físicos, 21 parâmetros químicos, e 01 parâmetro biológico, distribuídos em 05 pontos definidos estrategicamente pelo DMAE de acordo com o grau de importância das ações antrópicas.

O ponto 01 se localiza a montante da cidade na Estação de Tratamento de Água - ETA Sucupira, o ponto 02 encontra-se a montante da cidade no limite do perímetro urbano de Uberlândia, o ponto 03 está localizado a montante da Estação de Tratamento de Esgotos - ETE Uberabinha e aterro sanitário, o ponto 4 localiza-se a jusante da ETE Uberabinha, aterro sanitário, e o ponto 5 localiza-se a jusante da cidade.

Conclui-se que, através dos dados analisados, o Rio Uberabinha apresenta classes diferentes ao longo do mesmo. Porém, de acordo com a Resolução CONAMA n° 357 de 17 de março de 2005, este se classifica como classe 3. Mostrou-se Índice de Toxicidade (IT) baixo, com exceção dos parâmetros Cádmio Total e Chumbo Total que a partir do ponto 2, apresentaram toxicidade alta e média, respectivamente. O IQA apresentou nível médio nos pontos 01, 02, 03, 04, e nível ruim no ponto 5.