TPQB - Pós-Graduação em Tecnologia de Processos Químicos e Bioquímicos TPQB - Pós-Graduação em Tecnologia de Processos Químicos e Bioquímicos da EQ/UFRJ TPQB - Programa de Pós-Graduação em Tecnologia de Processos Químicos e Bioquímicos da EQ/UFRJ
Intranet
Por favor, digite ou corrija o CPF!
Por favor, digite sua Senha!
Lembrar Senha
Por favor, digite ou corrija o E-Mail!

Dissertações de Mestrado Defendidas: 2012

Avaliação da Composição do Meio de Cultura para Produção de Lipase por Candida rugosa.

Autora: Carin Caputo.
Orientadores: Andréa Medeiros Salgado, Fernando Luiz Pellegrini Pessoa.

Resumo

As enzimas que têm um importante papel na biotecnologia e tem sido grande foco de estudos atualmente, são as lipases, pois podem catalisar reações como hidrólise, transesterificação e esterificação, sendo o grupo mais importante de biocatalisadores para aplicações biotecnológicas. O alto custo de sua produção ainda é considerado uma barreira na utilização desta enzima em escala industrial.

O objetivo do trabalho foi avaliar a composição do meio de cultura para a produção de lipase por Candida rugosa. A composição do meio de cultura foi baseada em uma série de artigos científicos obtidos após uma ampla revisão bibliográfica, sendo os artigos selecionados publicados entre os anos de 1996 e 2010.

Os componentes utilizados no meio de cultura foram: Azeite, Tween 80, Sulfato de amônio, Sulfato de magnésio, Fosfato de potássio monobásico, Cloreto de Cálcio, solução de Cloreto Férrico e solução de vitaminas (Inositol e Cloridrato de Tiamina), sendo estes compostos utilizados como variáveis independentes em um planejamento fatorial fracionário tendo como variável de resposta a atividade lipásica.

A detecção da atividade enzimática foi realizada pelo método titulométrico sendo a maior atividade obtida de 12,96 U/mL. Os resultados obtidos com o planejamento demonstraram a importância dos fatores principais na produção da enzima.

O Tween 80 foi o fator que apresentou a maior importância dentre aqueles que apresentaram efeito positivo. Dados da literatura apresentam sua importância em diversos aspectos na produção da enzima, podendo ser utilizado como agente emulsificante, fonte de carbono, além de apresentar outros efeitos como atuar na permeabilidade celular.

O azeite teve efeito negativo na produção enzimática sugerindo que o Tween 80 foi utilizado preferencialmente como fonte de carbono e não com a finalidade inicial que seria tornar o azeite mais disponível a levedura. Outra possível explicação para o seu efeito negativo seria a inibição por substrato corroborando com dados da literatura.

A solução de vitaminas apresentou efeito negativo, pois o aumento da concentração de vitaminas nos meios não foi bom para a produção da enzima, sugerindo que devem ser utilizadas em baixas concentrações.

O sulfato de amônio apresentou efeito positivo na variável de resposta, o que confirmou a importância da fonte de nitrogênio na produção da enzima.

O sulfato de magnésio e o cloreto férrico apresentaram efeito positivo na produção de lipase, corroborando com dados da literatura que apontam a importância de íons Mg+2 e Fe+2 na produção da enzima.

O Fosfato de potássio e o Cloreto de cálcio foram compostos que não apresentaram significância estatística, sugerindo que não tiveram influência na produção da lipase nas concentrações utilizadas, porém como fatores de interação apresentaram significância estatística são fatores que não podem ser excluídos. Estes fatores podem ser utilizados em concentrações fixas em um planejamento futuro.

Os resultados obtidos no presente estudo permitiram concluir que os componentes que apresentaram a maior importância na produção de lipase por C. rugosa foram o Tween 80; (NH4)2SO4; FeCl3 e MgSO4 apresentados em ordem decrescente de importância.