TPQB TPQB - Pós-Graduação em Tecnologia de Processos Químicos e Bioquímicos TPQB - Pós-Graduação em Tecnologia de Processos Químicos e Bioquímicos da EQ/UFRJ TPQB - Programa de Pós-Graduação em Tecnologia de Processos Químicos e Bioquímicos da EQ/UFRJ
Busca 
Intranet
Por favor, digite ou corrija o CPF!
Por favor, digite sua Senha!
Atenção: O período em que os Candidatos aprovados para o Mestrado (Acadêmico ou Profissional) deverão acessar a Intranet do TPQB para completar o cadastro vai de 29/08/2017 a 31/08/2017. Só então o acesso será liberado.
Lembrar Senha
Por favor, digite ou corrija o E-Mail!
Atenção: O período em que os Candidatos aprovados para o Mestrado (Acadêmico ou Profissional) deverão acessar a Intranet do TPQB para completar o cadastro vai de 29/08/2017 a 31/08/2017. Só então o acesso será liberado.
This is an example of a HTML caption with a link.
Formulário de Busca
×

Dissertações de Mestrado Defendidas: 2008

Análise da Viabilidade do Emprego de Tabelas de Referência de Níveis Alvo baseados no Risco (RBSL - Risk-Based Screening Levels) para Macro-Regiões.

Autor: Dimitri Almeida Barros.
Orientadores: Denize Dias de Carvalho, Josimar Ribeiro de Almeida.

Resumo

A metodologia RBCA 1739/95 (Risk-Based Corrective Action) é um processo de tomada de decisão para avaliação e resposta a um vazamento de petróleo e seus derivados, baseado na proteção da saúde humana e do meio ambiente. Esta metodologia propõe, no nível 1, a utilização de Tabelas de Referência onde são estabelecidos critérios e valores orientadores referentes aos contaminantes para macro-regiões. Como exemplo tem-se as Tabelas de Referência de para o Estado de São Paulo, desenvolvidas pela CETESB.

Este trabalho analisa a viabilidade de serem utilizadas Tabelas de referências para amplas regiões em detrimento à utilização de características do meio físico, específicas para a área contaminada em análise. Para tanto, analisaram-se as equações através dos quais os valores RBSL são determinados. Em seguida, através de gráficos verificou-se o comportamento dos fatores de atenuação em relação a propriedades do meio físico. Por fim, realizaram-se os cálculos do nível 1 da metodologia RBCA para diferentes áreas: dados da CETESB e de duas áreas da região metropolitana do Rio de Janeiro.

Os resultados mostraram a importância de serem utilizados parâmetros específicos da área contaminada nos cálculos envolvidos na determinação dos valores Alvo Baseados no Risco (RBSL) do nível 1 da metodologia RBCA.