TPQB - Pós-Graduação em Tecnologia de Processos Químicos e Bioquímicos TPQB - Pós-Graduação em Tecnologia de Processos Químicos e Bioquímicos da EQ/UFRJ TPQB - Programa de Pós-Graduação em Tecnologia de Processos Químicos e Bioquímicos da EQ/UFRJ
Intranet
Por favor, digite ou corrija o CPF!
Por favor, digite sua Senha!
Lembrar Senha
Por favor, digite ou corrija o E-Mail!

Dissertações de Mestrado Defendidas: 2012

Avaliação de Glicerina Residual na Produção de Biodiesel como Solvente de Polímero Hidrossolúvel utilizado na Recuperação de Petróleo.

Autora: Viviane Rezende Prates.
Orientadora: Francisca Pessoa de França.

Resumo

No Brasil, a produção de biodiesel já atingiu níveis que apresentam problemas em função do volume de subproduto (glicerina) gerado no processo. Muitos segmentos industriais e de pesquisa acadêmica desenvolvem rotas tecnológicas para o aproveitamento e uso deste resíduo.

A glicerina possui propriedade plastificante, característica esta que está diretamente relacionada com o poder de conferir mudanças no comportamento de materiais e sistemas.

Este trabalho teve como objetivo estudar o efeito da adição de diferentes concentrações de glicerina bruta, subproduto da produção de biodiesel de soja, como diluente de polímero aniônico de concentração fixa (1000 ppm) em pH alcalino.

Para caracterizar estas soluções foram utilizadas as técnicas de termogravimetria, espectroscopia na região do infravermelho e reologia. Os espectros na região do infravermelho (FTIR) confirmaram a presença da glicerina e mostraram a variação da concentração de glicerina no sistema.

A partir dos resultados das curvas termogravimétricas foi observado que a glicerina bruta aumenta a temperatura de decomposição térmica das misturas comparado à solução polimérica em água, este aumento de temperatura confere até cinco estágios de perda de massa com a adição de 50% de glicerina bruta à solução.

Os resultados dos ensaios reológicos demonstraram que a adição da glicerina bruta no sistema causa mudança nas propriedades reológicas, nas misturas a viscosidade aparente é aumentada em até 60 mPa.s a 50°C.

A varredura de cisalhamento mostrou que o perfil das curvas de fluxo e de viscosidade sofreu significativa alteração em função do aumento do volume hidrodinâmico da molécula de polímero, efeito este causado pela ação do agente plastificante (glicerina).

As misturas oscilaram entre o modelo newtoniano e pseudoplástico em função da variação do percentual de glicerina e da temperatura. As misturas polímero-glicerina apresentam possível potencial como fluido de deslocamento de petróleo.