EPQB EPQB - Pós-Graduação em Engenharia de Processos Químicos e Bioquímicos EPQB - Pós-Graduação em Engenharia de Processos Químicos e Bioquímicos da EQ/UFRJ EPQB - Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Processos Químicos e Bioquímicos da EQ/UFRJ
English Busca 
Intranet
Por favor, digite ou corrija o CPF!
Por favor, digite sua Senha!
Atenção: O termo de compromisso é só para o aluno que é bolsista. Quem não é bolsista, não precisa preencher o termo de compromisso. O prazo para completá-lo encerra em 02/08/2020.
Lembrar Senha
Por favor, digite ou corrija o E-Mail!
Formulário de Busca
×

Páginas dos Livros nos Sites das Editoras

Ver Legenda   Página Existente
  Página não encontrada

  1. A Aprendizagem Tecnológica no Brasil
  2. Análise Térmica de Materiais
  3. Aproveitamento Energético e Caracterização de Resíduos de Biomassa
  4. Biocatálise e Biotransformação - Fundamentos e Aplicações
  5. Biocombustíveis no Brasil
  6. Biomassa para Química Verde
  7. Chemistry Beyond Chlorine
  8. Compositional Grading in Oil and Gas Reservoirs
  9. Controle e Monitoramento de Poluentes Atmosféricos
  10. Dinâmica, Controle e Instrumentação de Processos
  11. Economia da Energia
  12. Engenharia de Processos
  13. Gestão em Biotecnologia
  14. Glycerol - A Versatile Renewable Feedstock for the Chemical Industry
  15. Handbook of Fruit and Vegetable Flavors
  16. Hidrogênio e Células a Combustível
  17. Inovação - O Combustível do Futuro
  18. Integração Refino-Petroquímica - Tendências e Impactos
  19. Mapeamento Tecnológico de Polímeros Furânicos
  20. Métodos Numéricos para Engenheiros Químicos - Algoritmos e Aplicações
  21. Microbiologia Industrial - vol. 1: Bioprocessos
  22. Microbiologia Industrial - vol. 2: Alimentos
  23. Modelagem Composicional de Frações de Petróleo - Vol. 1: Hidrocraqueamento de Frações Pesadas
  24. Modelagem Composicional de Frações de Petróleo - Vol. 2: Hidrotratamento de Destilados
  25. Modelagem e Controle na Produção de Petróleo - Aplicações em MatLab
  26. Monoethylene Glycol as Hydrate Inhibitor in Offshore Natural Gas Processing - From Fundamentals to Exergy Analysis
  27. Offshore Processing of CO2-Rich Natural Gas with Supersonic Separator - Multiphase Sound Speed, CO2 Freeze-Out and HYSYS Implementation
  28. Olefinas Leves - Tecnologia, Mercado e Aspectos Econômicos
  29. Oportunidades em Medicamentos Genéricos - A Indústria Farmacêutica Brasileira
  30. Panorama e Perspectivas da Estocagem Geológica de Gás Natural no Brasil e no Mundo
  31. Patenteamento & Prospecção Tecnológica no Setor Farmacêutico
  32. Planejamento de Experimentos usando o Statistica
  33. Potencialidades do Cajueiro - Caracterização Tecnológica e Aplicação
  34. Processos Inorgânicos
  35. Reologia e Reometria - Fundamentos Teóricos e Práticos
  36. Reúso de Água em Processos Químicos - Modelo Integrado para Gerenciamento Sustentável
  37. Setores da Indústria Química Orgânica
  38. Sustainable Catalysis for Biorefineries
  39. Technology Roadmap
  40. Tecnologia do Hidrogênio
  41. Tecnologia Enzimática
  42. Tecnologias de Produção de Biodiesel
  43. Technological Trends in the Pharmaceutical Industry
  44. Tendências Tecnológicas no Setor Farmacêutico
×

Teses de Doutorado Defendidas: 2008

Avaliação da presença de EPS (substância polimérica extracelular) na biorremediação de sistemas co-contaminados com gasolina e metais pesados.

Autora: Paula Salles de Oliveira Martins.
Orientadora: Selma Gomes Ferreira Leite.

Resumo

A poluição combinada é um problema de grande interesse atualmente. Canais, rios e, por fim, mares, são contaminados com despejos orgânicos contendo altas concentrações de metais pesados, o que é de preocupação geral uma vez que eles são persistentes e capazes de se acumular no ecossistema, sendo um perigo sério para o ambiente e a saúde.

Ainda, a presença de metais pode inibir a microbiota natural envolvida na degradação de compostos orgânicos, afetando as taxas de degradação. O nível de inibição depende da concentração e disponibilidade dos metais pesados, e é dependente da ação de processos complexos controlados por vários fatores, incluindo a natureza dos metais, do meio e das espécies microbianas.

Os metais pesados podem inibir os microrganismos bloqueando grupos funcionais essenciais ou interferindo na incorporação de íons metálicos essenciais para as moléculas biológicas. Em alguns casos, os microrganismos são resistentes aos metais pesados por meio de diferentes mecanismos. Estratégias efetivas para melhorar a biodegradação orgânica na presença de metais pesados tóxicos incluem a redução da concentração biodisponível dessas espécies, e a redução das interações entre o metal e a célula.

As substâncias poliméricas extracelulares (EPS) desempenham um importante papel na agregação das células bacterianas em flocos, na estabilização da estrutura de biofilme, retenção de água e formação de uma barreira protetora que diminui efeitos danosos, mas também são bastante importantes na biossorção de metais pesados, e são produzidos pela maioria das bactérias. As EPS são constituídas por uma mistura de polissacarídeos, mucopolissacarídeos e proteínas, que dependem da cepa e das condições de cultivo. Elas contêm grupos funcionais ionizáveis como carboxila, fosfato, amina e hidroxila, que as capacitam a sequestrar metais pesados.

Neste trabalho, foi produzida uma EPS pela bactéria Paenibacillus polymyxa, numa concentração máxima de 0,35 g/L, e inicialmente foi avaliada sua capacidade de captação e remoção de íons de Cd2+, Zn2+ e Cu2+ de soluções aquosas, com o uso de planejamento experimental, que resultaram em valores de eficiência de remoção de 64,6 % de Cd2+; 63,0 % de Zn2+; e 68,4 % de Cu2+, quando a concentração de EPS na solução foi de 0,01 g/L. Com uma concentração de 0,25 g/L da substância, os valores de eficiência de remoção obtidos foram: 67,3 % de Cd2+; 68,7 % de Zn2+; e 70,1 % de Cu2+. Também foram propagados dois consórcios microbianos a partir de uma amostra de solo, sendo o primeiro (consórcio 1) propagado a partir de glicose e o segundo (consórcio 2) a partir de gasolina.






Apoio Institucional e Financeiro



O EPQB agradece o apoio recebido da CAPES
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior