TPQB - Pós-Graduação em Tecnologia de Processos Químicos e Bioquímicos TPQB - Pós-Graduação em Tecnologia de Processos Químicos e Bioquímicos da EQ/UFRJ TPQB - Programa de Pós-Graduação em Tecnologia de Processos Químicos e Bioquímicos da EQ/UFRJ
Intranet
Por favor, digite ou corrija o CPF!
Por favor, digite sua Senha!
Lembrar Senha
Por favor, digite ou corrija o E-Mail!

Dissertações de Mestrado Defendidas: 2009

Aplicação do HazOp Dinâmico na Avaliação de Perigo Operacional em uma Coluna de Destilação de uma Planta de Separação de Ar

Autor(a): Juliana Schmitz Guarilha Costa
Orientador(es): Márcio Nele de Souza, Paulo Fernando Ferreira Frutuoso e Melo

Resumo

A dissertação abordou técnicas de Análise de Perigos em Plantas de Separação de Ar com o objetivo de avaliar uma metodologia de estudo diferente do tradicional, o HazOp Dinâmico. A introdução da simulação dinâmica na análise de perigos operacionais do processo visa fornecer informações mais precisas e confiáveis do que o estudo qualitativo tradicional de HazOp.

Foi realizada inicialmente uma revisão bibliográfica englobando histórico, processo, aplicações e perigos existentes na indústria de gases. Para a compreensão da importância da análise de perigos para a indústria química, à qual a metodologia proposta é aplicável, foi desenvolvido um breve histórico dos acidentes ocorridos.

Foi realizada uma revisão bibliográfica das diversas técnicas de análises de perigos a fim de compreender as diferenças entre as técnicas tradicionais existentes e a metodologia proposta, que tem o objetivo de obter uma maior confiabilidade da análise de perigos. Dessa forma, pode-se verificar a real possibilidade da ocorrência de um desvio, a magnitude das consequências desse desvio, o tempo para que o pior cenário seja alcançado, e, o mais importante, as ações que devem ser tomadas para evitar ou mitigar a ocorrência do desvio. Para tal avaliação, um estudo de caso de uma planta de separação de ar baseado em um HazOp tradicional existente foi desenvolvido utilizando a simulação dinâmica do processo.

Foram geradas curvas demonstrando a variação dos parâmetros operacionais da unidade avaliada com relação à operação da planta em condições normais, a fim de verificar os impactos obtidos pelos desvios aplicados ao sistema.